PORQUE ENTENDEMOS QUE NOS BLOG'S DEVE HAVER UMA MAIOR SERIEDADE E TRANSPARÊNCIA, DECIDIMOS SÓ ACEITAR COMENTÁRIOS DE COMENTADORES IDENTIFICADOS
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
"Só existem dois tipos de Homens no Mundo, os que deixam obras feitas e os que nada fazem, apenas criticam."

S.C. Borbense G.U.V.B. E.F.F. S.C.B. Barbus Futsal Barbus Atletismo

AVISO: O BLOG DA FORÇA AZUL É UM BLOG PESSOAL, E NÃO É O BLOG OFICIAL DO S.C. BORBENSE. TUDO O QUE AQUI FOR PUBLICADO É DA MINHA TOTAL RESPONSABILIDADE. OBRIGADO PELA COMPREENSÃO

segunda-feira, julho 30, 2012

Rescaldo do Torneio 2012 Futsal em Borba

Nesta postagem gostaria que fizessem o Rescaldo do Torneio de Futsal 2012 em Borba, apontando o que esteve mal e fazendo propostas na tentativa desta torneio continuar a crescer e a melhorar.

A Edição deste ano do Torneio marcou algumas diferenças em relação aos anos anteriores. Uns dirão que mudou para melhor, outros que mudou para pior, mas o que é certo é que mudou e agora vamos ver como é que vai ser nos próximos anos.
- A primeira mudança foi logo no nome do Torneio, pois o habitual Torneio de Futsal de Borba agora passou a chamar-se I Torneio de Futsal Cidade de Borba.
- Depois mudou também a organização do Torneio, e se este Torneio tem sido sempre organizado pelo S.C. Borbense e Grupo União Veteranos Borbenses, agora parece querer aproximar-se do Torneio de Futsal de Sousel, e assim o Municipio de Borba entrou também para a Organização, sendo esta uma tarefa tripartida.
- A entrega dos prémios, em vez de ser realizada no dia da Grande Final no espaço onde se disputa o Torneio, este ano passou a ser no dia após o Torneio e no grande Pavilhão de Eventos de Borba, permitindo assim mais uma boa receita para a Organização.
- A diversidade das idades e sexos este ano foi maior, pois este ano houve 3 escalões de Camadas Jovens (Benjamins, Infantis e Iniciados), e voltou também o Torneio Feminino, dois anos depois da estreia neste Torneio.
- A Arbitragem esteve a cargo de Árbitros qualificados do nosso Distrital para o Torneio de Seniores Masculinos, enquanto que para os outros quatro Torneios, foram os membros da Organização que se encarregaram de apitar.
- O Calendário sofreu algumas alterações em relação ao inicialmente programado, devido a algumas desistências e também ao facto do Torneio se realizar na mesma altura do Torneio de Sousel.
- Todas as noites de disputaram apenas 2 jogos do Torneio de Seniores Masculinos, havendo mesmo noites onde apenas se disputava 1 jogo, sendo que o resto das noites era completado com jogos das camadas jovens.
Esta poderá ser a altura em que cada um deve deixar a sua opinião de forma a que este Torneio possa melhorar no próximo ano.
O blog da Força Azul informa também que este poderá ter sido o ultimo ano que acompanhou o Torneio de Futsal em Borba, sempre com noticias diárias, com os resultados actualizados e fotografias de todas as equipas, contribuindo assim para o crescimento e desenvolvimento deste Torneio. Várias vezes me foi comunicado que era o unico factor onde o Torneio de Borba se superiorizava ao de Sousel, era no acompanhamento e espaço de debate que havia na internet. Foram 6 anos de acompanhamento do Torneio e que vai ficar sempre guardado para quem quiser consultar. Certemente que no futuro alguém irá querer dar continuidade a este trabalho que tem sido desenvolvido de forma bastante notável.


Grandes Vencedores do Torneio 2012

CAMPEÕES SENIORES MASCULINOS 2012: Carapinha & Anselmo/Eduardo Pereira



CAMPEÕES SENIORES FEMININOS 2012: Barbus Futsal


CAMPEÕES INICIADOS 2012: Núcleo Sportinguista de Vila Viçosa

Foto em construção...


CAMPEÕES INFANTIS 2012: Núcleo Sportinguista de Vila Viçosa

Foto em construção...


CAMPEÕES BENJAMINS 2012: Núcleo Sportinguista de Vila Viçosa

Foto em construção...

15 comentários:

Vitor Barreto disse...

Como amante da modalidade e tendo já participado em muitos Torneios, Maratonas e participando no Distal de AFP vou deixar a minha opinião que vale o que vale penso que podem melhorar nos horários dos jogos, terem em atenção no modo como o cronometro é parado tem que ser sempre igual e por ultimo fazerem uma chamada de atenção a arbitragem para terem critérios idênticos para todas as equipas porque todas pagam inscrições e todas gostam de ter o mesmo tratamento.
Dar os parabéns a todos que colaboraram e participaram porque só assim é possível organizarem eventos dessa natureza e que continuem a organizar o mesmo.

Vitor Barreto

Futsal ACDBR

Jorge Carretas disse...

O Arbitro.

Para o Senhor Vitor Barreto que fez o comentário e para outros que por vezes me perguntavam as regras, com respeito ao torneio e para nós ter-mos critérios idênticos para ambas as equipas, para mim é normal, e é óbvio que se pode mudar alguma coisa, mas isso é sempre com a organização da maneira que o faz.
1º Quando os árbitros são convidados para fazerem o torneio, nós perguntam-mos logo como são as regras, se são iguais ao oficial ou se tem alterações, porque nós já estamos habituados a essas coisas numa terra serem assim, na outra já é diferente, é a organização que nos dá o modelo do torneio para nós ver-mos, e nós aceitamos ou não.
2º É óbvio que eu por vezes não gosto de varias alterações mas! e´a organização que as coloca. No tempo do jogo dizia la bem explicito que era a decorrer e só parava no ultimo minuto ou se aparece-se algum incidente, foram vários jogadores advertidos por não conhecerem as normas do torneio, não é culpa dos árbitros mas sim dos participantes que não sabem o que lá andam a fazer.
3º No ultimo jogo da final foi a organização que implantou para ser como nos jogos oficiais, ser todo ao cronometro e os árbitros fizeram. qual o mal? no inicio quando se faz a inscrição e depois se faz o sorteio e´que se deve falar com que esta organizar, porque depois de começar e a aceitar as condições, vir falar mal! Das duas uma ou é uma pessoa fora de qualquer equipa não conhece as regras, ou e um participante que não as lei, quando lhe são dadas na altura do sorteio, é assim que são feitos estes eventos.
4º Vamos apoiar estas pessoas que ainda vão fazendo alguma coisa, dar opiniões sim, mas! que sejam de uma forma construtiva para que a próxima seja melhor, não dizer mal daquilo que não sabemos.

O arbitro

Jorge Carretas

L.M.P. disse...

o sr carretas é o espelho do que se passa no torneio de borba, já custam a arranjar equipas suficientes por causa de srs como este, é muita teoria e na pratica nao sabem nada de nada

Vitor Barreto disse...

Não vou entrar em polémicas Srº Jorge Carretas eu simplesmente comentei a minha opinião e quando falei em horários, cronometragem e critérios de arbitragem foi no sentido de tentarem melhorar o Torneio nunca em criticar alguém mas se a carapuça serviu arbitragem por algo será.
Peço desculpas se por dar uma opinião ofendi alguém não vou voltar a fazer comentários.

Vitor Barreto

Futsal ACDBR

Pedro disse...

carretas se tivesses vergonha na cara abandonavas a arbitragem e nem vinhas com desculpas parvas para justificar a tua incompetencia e ignorância!!!

Pedro

António Prates disse...

Com mais ou menos mudanças, a minha fiel memória diz-me que este torneio de verão já se realiza, ininterruptamente, em Borba, há mais de vinte anos, e, por muitos elogios que façam ao torneio de Sousel, não vejo assim tantas diferenças na qualidade das equipas participantes, a não ser o natural desfalcamento das equipas que participam em Borba, porque muitos jogadores trocam o valor da sua "palavra", perante a boa vontade dos seus patrocinadores, em troca a tão cultivada ganância dos euros, - e são esses jogadores que, armados em jogadores de futsal, acabam por atrofiar as contas do Torneio de Borba, para tentarem recuperar o dinheiro que gastam em gasolina nas viagens que fazem até Sousel, esquecendo, em muitas ocasiões, o valor da "palavra" que deram aos seus patrocinadores para participarem no torneio de Borba.

Sobre os escalões, penso que a diversidade dos mesmos está muito bem elaborada, exceptuando, talvez, a inclusão da categoria de veteranos.

Com respeito à arbitragem, e como são das poucas pessoas que ao fim ao cabo ganham dinheiro no Torneio, a minha opinião diz-me que, embora o Torneio seja apitado pela qualificação dos árbitros que temos, esses mesmos árbitros são pessoas aqui da terra e arredores, e como pessoas aqui da terra e arredores que são acabam por beneficiar os citadinos em prejuízo dos respeitados aldeões e dos honrados campónios, - e como disse, e muito bem, aqui o amigo Vítor: "todas pagam inscrições e todas gostam de ter o mesmo tratamento." O que, na minha opinião, esteve a léguas de ser verdade. E é pela verdade do Torneio e pela justeza dos resultados que a minha opinião me diz que os árbitros deviam de ser muito mais imparciais, ou um pouco mais de longe. Nunca gostei de participar em jogos, mais ou menos a sério, onde os árbitros são conhecidos, - acho que eles ficam fartos de mim e eu acabo por ficar também farto deles.

bacalhau80 disse...

Ora boas tardes,

Fui várias vezes abordado durante este Torneio para ir fazendo aqui os comentários, mas optei por fazer apenas 1 agora no final.

Já se passou mais um Torneio e infelizmente foi notável que a qualidade está um pouco mais fraca que aqui há uns anos trás. Talvez com isso tenha beneficiado a minha Malta de 80&81 que ficámos na 3ª posição e iamos chegando ao topo (não estivesse à nossa frente o grande Luid Marques naquela noite).
Bem, mas vamos lá falar por partes:

Torneio Seniores

Na minha opinião havia 5 equipas que foram totalmente feitas para ganhar, que eram a de Veiros que era BiCampeã e manteve a estrutura; o Carapinha e Anselmo que no ano passado foi finalista e este ano reforçou-se bem, nos pontos chaves para ganhar; o Barbus que fez uma equipa recheada de bons jogadores; a Nora que apostou em jogadores de Estremoz e arredores e por ultimo o Bello Raposeira que é uma equipa que compete o ano inteiro futsal e trazia um crack que vai nada mais, nada menos que para a 1ª Divisão Nacional.

Foi Campeão o Carapinha e Anselmo e justamente, pois ganhou os seus 8 jogos e esteve sempre em grande nivel. está de parabéns o Luis que joga muito e leva a equipa para a frente nos momentos mais dificeis, para além de patrocinar; também o karika que provou que é o homem que domina mais o Futsal aqui na região e no ano passado entrou neste projecto, tendo falhado, mas este ano limou as arestas e resultou; também o Tokim pela forma como liderou o grupo e colocou os jogadores a jogarem e ganharem, para além do restante grupo obviamente.
O Barbus também está de parabéns, pois um clube que ainda nem 2 anos cumpriu, às vezes até querem fazer passar a ideia que não existe e inventam tanta coisa, mas em 2 participações neste Torneio já tem um 4º e um 2º lugar. Parabéns sobretudo para o Edgar que foi o mentor desta equipa, escolhendo técnicos e jogadores e que tão perto esteve da glória.
De resto, parabéns para a Malta de 80&81 que conseguiu a sua melhor classificação, apesar das baixas por lesões e traições (barrokinos devem 1 grade lol), e para o ParyCome Sochinhas, pois uma equipa que ninguém dava nada por eles, eliminou os Campeões de Veiros e ficou em 4º lugar.
Destaque ainda para a Academia InterFutsal, pois ouvbi muita gente criticar os miudos, mas eu acho que eles fizeram bem em entrar já, e de certeza que ganharam experiencia e no proximo ano já vão fazer melhor. Recordo que tanto esta rapaziada da Malta de 80&81, como a rapaziada do Carapinha e anselmo, também começaram com 16 anos...e hoje já somam alguns titulos.

bacalhau80 disse...

- Torneio Feminino

Foi um Torneio com poucas equipas, infelizmente só 3. Mas eram 3 boas equipas e vimos bons jogos. No final o titulo acabou por ficar para a equipa de Borba, que ultrapassando todas as dificuldades, esperadas e inesperadas, foi mais forte e sagrou-se campeãs.
Estas miudas são fantásticas e merecem um maior apoio da população e entidades, pois só por exemplo neste Verão venceram o Torneio de Borba, o Torneio de Veiros que eram 6 equipas, e foram à Final em sousel onde eram 8 equipas, tendo perdido contra o poderoso Juventude por 3-1 na final.

- Torneio de Iniciados

Vitoria para o Núcleo Sportinguista de Vila Viçosa num Torneio que perdeu um pouco a graça quando os de Sousel desistiram.
Pró ano fica já aqui a promessa que o Barbus vai fazer uma equipa também neste escalão pois os miudos também merecem jogar e ter adversários.

- Torneio de Infantis

Este Torneio foi o melhor das Camadas Jovens e contou com meia duzia de equipas. Com a inexplicável divisão dos jogadores de Borba em tanta equipa, é claro que nos calharam os 3 ultimos lugares, aproveitando também o Núcleo Sportinguista para se impor e ganhar.

- Torneio de Benjamins

Também ganhou o Núcleo de Vila Viçosa que assim venceu em todas as camadas jovens. Este Torneio também tinha poucas equipas.

Como proposta para as camadas jovens, se calhar pro ano faziam-se apenas 2 escalões tipo sub15 (1998, 99 e 2000) e sub12 (01, 02, 03 e 04).
Mais vale 2 Torneios mas com uma boa quantidade de equipas, do muitos Torneios com poucas equipas.

bacalhau80 disse...

- Prémio de Melhor Jogador

Tive o cuidado de no final do ano passado ter sugerido para se fazer como em Sousel, pois devemos aprender uns com os outros para melhorar, e este ano voltei a dizê-lo na primeira semana de Torneio, mas infelizmente foi ignorada a proposta.
Ou seja, em Sousel, em cada jogo, o Treinador vota no melhor jogador em campo da equipa adversária, e a mesa dá também um voto, ou seja, há 3 votos por jogo.
Isto seria muito mais justo e o prémio faria mais sentido.

Vejamos por exemplo este ano. O Paulinho de Alter, que jogou na equipa de Elvas, foi nomeado para Melhor Jogador mas ele só veio a 2 jogos, em que contra a Orada jogou 5 muinutos e foi expulso. Faz algum sentido isto? Eu sei que o Paulinho é o melhor...aliás eu já o conheço à mais tempo e sei bem o valor dele, mas votar nele é estupido, pois o rapaz fez apenas 1 jogo e um bocado de outro. Quase que diria o mesmo do Samba, um jogador a quem eu também reconheço grandes qualidades, mas no Torneio deste ano?? Enfim, mas os treinadores é que sabem...e eu sei como foram feitas algumas votações. Eu por exemplo, na Malta de 80&81, antes de votar, oiço a opinião de todos e debatemo-la...e posso dizer que votámos no Carapinha, Gago e Sousa.
O prémio é totalmente justo para o Carapinha, pois na minha opinião seria ele ou o Gago, mas como na Final um foi decisivo e o outro mal conseguiu jogar por estar lesionado, então o prémio decaiu para o Carapinha. (Também já lhe o disse pessoalmente que este ano mereceu, mas no ano passado foi claramente o João Neves o melhor!)

- Calendário

A questão do Calendário ter sido alterado também causou alguma discussão, e apesar de eu compreender as alterações, não faz sentido é isto ser alterado a meio da competição. Devia-se ter prevenido isso tudo antes do Torneio. Posso já informar, e não é preciso ir á Maya, que no próximo ano na Terça e na Sexta é quando não há jogos em Sousel (é assim à tantos anos), por isso podia-se meter as meias finais na Terça, e depois a Final na sexta. Mas isto já de inicio, não é mudar quando algumas vão passando.

Por outro lado, noites com apenas 1 jogo de seniores também não é grande ideia, e acho que no minimo deveria haver sempre 2.


- Arbitragem

Este tema já está aqui a ser badalado e infelizmente é sempre.
eu concordo com o Julio quando ele diz que os arbitros deviam ser de longe, de forma que não conhececem ninguém e não quisessem ser tendenciosos.
Várias vezes fiquei com a sensação que havia arbitros a quererem fazer os resultados.
Depois não concordo aqui com tanta critica ao Carretas. sei como são as coisas e é sempre mais fácil "bater no ceguinho", e como o Carretas é sempre um alvo fácil, vá de se virar tudo contra o Carretas. Acho que ele não esteve assim tão mal, e relembro que no Torneio do ano passado foi o melhor, e este ano também não esteve mal. Epa acho que houve arbitros que estiveram bem e outros mal, sendo que os maiores erros surgiram daqueles arbitros menos experientes e que às vezes vinham informados disto ou dquilo e depois acabavam por nem saber bem o que fazer.


- Prémios

Já que este ano entrou a Camara para a organização também, vejamos o exemplo de Sousel, e penso que ficaria bem aumentar os prémios, tal como dar também algo ao Torneio Feminino. Recordo que em Sousel é 2000€ para o Masculino e 200€ para o Feminino... Já que agora são 3 entidades organizadoras, podia-se dar um aumentozito.


- Entrega dos Prémios

Este ano não estive cá para ver a entrega dos prémios, mas não sei se não será melhor entregar-se sempre os prémios no dia da Final, pois é o dia em que está toda a gente e preparada para a Festa.
A Festa Azul e Branca pareceu-me uma boa ideia, assim como por exemplo era o Dia do Borbense (Ups! isto não era para ser falado agora), mas não faz sentido assim como foi este ano.


Abraço a todos os intervenientes e para o ano cá estaremos outra vez. Mesmo sem o blog fazer o acompanhamento no próximo ano, continuaremos a querer que todos apareçam

António Prates disse...

Li os comentários com atenção, e gostaria de aclarar aqui três situações mencionadas pelo amigo Bacalhau, que se referem ao seguinte:

A primeira situação tem a ver com o facto de o meu amigo dizer que: "a Nora que apostou em jogadores de Estremoz e arredores..." o que não corresponde inteiramente à verdade, porque o Armando "Rente" é da Nora, o Luís Carapinha é da Nora, o André Fusco é da Nora, o Telmo Caciones é da Nora, e o João Castro e o Carlos Rato não são de Estremoz e representaram a Nora nas últimas duas temporadas de futsal.


No segundo reparo digo e sublinho que as intenções do Grupo e Desportivo da Nora eram com o único desígnio de representar o clube e de dignificar a camisola do clube, elevando eu, por conta própria, a fasquia de tentar ajudar a colocar a equipa entre as quatro primeiras classificadas do Torneio.

Quando ao terceiro equívoco que eu acho que o meu amigo aqui proferiu, tem a ver com a apreciação que o meu amigo aqui faz ao trabalho dos árbitros, no momento em que o meu amigo diz que foram os árbitros menos experientes que estiveram menos bem. E informações à parte, pergunto; será que vimos os dois os mesmos jogos? Na minha opinião quem mais falhou foi quem mais experiência tem na matéria, e todas essas vezes em que ficámos com a sensação de que os árbitros estavam a querer fazer os resultados foram arbitradas pelos árbitros mais experientes, e o grupo desportivo da Nora acabou por ser a besta negra deste torneio. Ora vamos a factos: no primeiro jogo o Sr. árbitro Jorge Carretas, quando o jogo estava equilibrado, decidiu descobrir uma expulsão a um jogador dos nossos como nunca mais foi descoberta durante o Torneio; no quarto jogo o Sr árbitro Álvaro Perico, num jogo onde defrontámos os vencedores do torneio com apenas cinco jogadores, intimida a nossa equipa com umas quantas faltas duvidosas e com uns cartões amarelos, dizendo:" não admito que os jogadores falem para mim quando marco uma falta"; no quinto jogo os sr árbitros Norberto Nifro e Álvaro Perico fizeram o trabalho que todos viram no jogo com o Barbus; e no jogo dos quartos-de-final tivemos até jogadores quem nem apareceram ao jogo por saberem que os árbitros eram o sr Luís Godinho e o sr. Norberto Nifro, no jogo que disputámos com a Malta de 80&81, e o seu trabalho foi o que quase todas as pessoas observaram.

Luis Godinho disse...

Boa Tarde Carissimos,

Eu não sou muito de responder a comentários desta natureza, mas lendo eu esta ultima e brilhante intervenção do Sr. António Prates, não me contive e tenho que dizer e perguntar algumas coisas.

Ora vejamos...

Diz então o Sr. António Prates que foi prejudicado pelos árbitros, ditos, mas experientes que participaram no torneio. Então começo por perguntar-lhe quais os LANCES em que o Sr. António Prates viu realmente que foi prejudicado, porque, se me lembro bem do li anteriormente, não vi nenhum LANCE explicito.

Continuando na minha modesta apreciação ao comentário do Sr. António Prates, pergunto-lhe, porque acho que terminava de vez com duvidas, quais foram os ditos jogadores que assim que souberam da equipa de arbitragem para o jogo do quartos-de-final não quiseram vir. É que o Sr. António Prates não sabe, mas eu passo a informa-lo que apenas confirmei a minha presença no torneio nessa noite por volta das +/- 19h45, por isso, acho muito estranho pessoas de Estremoz e arredores saberem em primeira mão da dupla de arbitragem, só se, eventualmente tenho o telemóvel sobre escuta e ai retiro tudo o que disse nesta minha segunda apreciação ao seu comentário.

Continuando o meu comentário e indo de encontro ao jogo que dirigi da equipa que o Sr. António Prates comandava, realmente as pessoas que observaram na bancada esse jogo, como você diz e bem, tiraram todas as duvidas que pudessem ter até à data do mesmo, e quando digo isto, digo com uma certeza, pois também eu vi e apreciei o nível futebolístico nessa noite. Casos? Penaltis? Expulsões? Penso que nada demais se passou do que é o normal, ou seja, erro aqui, erro acolá mas nada que interfira no jogo e muito menos no resultado em si. Agora também lhe digo, o meu principal objectivo em qualquer jogo que eu dirija, seja aqui, seja em outro lado qualquer, é erra o menos possível, pois uma coisa que tenho certa quando entro em campo, é que vou errar e tento ao máximo evitar o maior numero de erros, para dignificar, não a minha pessoa, mas sim o jogo que dirijo, porque esse é que é o espectáculo que leva centenas de pessoas a assistir por noite ao torneio.

Indo ainda atrás nas suas palavras, uma opinião apenas quando se refere aos árbitros serem de Borba e dirigirem jogos deste torneio. Eu lanço-lhe um desafio Sr. António Prates, tente por um torneio apenas organizar você somente o sector da arbitragem e arrumar de vez a questão dos árbitros de Borba estarem presentes. Pneso que para muitos seria um alivio.

Acho sinceramente que o problema não está nos árbitros serem ou não de Borba, pois por muito que eles sejam ruins e maus árbitros, dão o seu melhor para que tudo corra da melhor forma. Julgo que o problema grande e sério desta questão está na consciência de cada um e da forma como cada um pensa e imagina a arbitragem no seu todo. Jamais na minha vida, antes de um jogo e na preparação do mesmo, eu parei para pensar quem é o treinador da equipa, o capitão da equipa, o guarda-redes da equipa, são dados que a mim não me dizem rigorosamente nada e muito menos me dizem respeito.

Eu passo a cita-lo "e no jogo dos quartos-de-final tivemos até jogadores quem nem apareceram ao jogo por saberem que os árbitros eram o sr Luís Godinho e o sr. Norberto Nifro". Ora digam-me lá, que consciência têm esses jogadores? Que respeito existe pela colectividade que representam? Que respeito existe pela inscrição monetária que essa colectividade fez para participar no torneio? Que respeito existe pelo treinador dessa colectividade? Que respeito têm esses jogadores por eles próprios?

Luis Godinho disse...

Continuação...

Sr. António Prates, muito mais haveria a dizer, mas seguro que escrevi aqui respeitosamente tudo o que na minha opinião se torna real aos olhos de quem já anda há uns aninhos neste sector e lida com variadíssimas opiniões e pessoas. Já assisti neste ano a alguns torneios de outras localidades e penso que, de todo, a qualidade dos árbitros que estiveram em Borba não está colocada em causa.

Sou aquilo que sou e não o que muitos por vezes querem que eu seja e esta irá ser sempre a minha forma de estar na vida, respeitando os outros e acima de tudo a não os criticar, pois como diz o velho ditado, cada macaco no seu galho e eu ainda não prevejo o futuro e por não saber o dia de amanhã, coloco-me no meu cantinho.

Como não sou treinador, nem visto nem achado na matéria, não me vou prenunciar sobre o seu trabalho ao longo deste torneio, e nesse sentido despeço-me aqui com os meus mais respeitosos cumprimentos.

Luís Godinho

António Prates disse...

Antes de mais, agradeço o cuidado do Sr árbitro, Luís Godinho, em vir aqui defender a sua causa, o seu bom nome e a dignidade dos árbitros. E não se apoquente o Sr árbitro com os comentários desta natureza, porque a natureza destes comentários só são perniciosos quando não assumimos o que dizemos ou quando andamos a dizer as coisas pelas costas das pessoas intervenientes nos assuntos em questão.

Quanto ao Cerne do assunto em questão, naturalmente o Sr árbitro refere-se ao jogo dos quartos de final, e como o Sr árbitro se recorda, antes do nosso jogo houve um outro jogo entre a equipa Carapinha e Anselmo/Eduardo Pereira e a equipa Eduauto, jogo esse que foi apitado pelo Sr árbitro e pelo árbitro Norberto Nifro, o que nos deu a conhecer com mais de uma hora de antecedência a dupla de arbitragem que nos ia calhar em sorte para o jogo com a Malta de 80&81. E antes de referir os lances explícitos desse jogo, que nos fazem ter razões de queixa, recordo o Sr árbitro que além de já estarmos fartos de ser prejudicados no Torneio aquando desse jogo dos quartos-de final, por casualidade, o árbitro Norberto Nifro, seu colega nessa noite, tinha sido a mesma pessoa que dias antes tinha ajudado sobremaneira o Barbus no jogo que decidiu o segundo e o terceiro lugar do grupo, inclinando o campo de uma forma que todas as pessoas tiveram oportunidade de assistir, e fazendo antecipadamente a penelinha para o futuro jogo dos quartos-de-final, onde acabou por estar presente no jogo que ditou a nossa última resignação. Continuando, ainda não esqueci os casos explícitos, mas antes, permita-me o Sr árbitro que lhe diga que não lhe vou dizer quem foram os jogadores que não compareceram ao referido jogo para salvaguardar o seu nome como atletas e para não sofrerem represálias futuras dos árbitros em questão. E agora sim, vamos ao jogo: para começar informo o Sr árbitro que apenas compareceram sete jogadores a esse jogo, e não os nove ou dez que o Sr árbitro me referiu quando disse "que eu tinha ali nove ou dez jogadores de Estremoz e que eles ainda não lhe tinham dito nada, e etecetra..." no entanto, além de serem apenas sete jogadores, e não a quantidade que o Sr árbitro referiu, informo o Sr árbitro que esses atletas tiveram o comportamento em campo que eu lhes pedi, apesar de tudo, e dou a conhecer ao Sr árbitro que as "informações que lhe deram estão erradas", informando-o que o Armando "Rente" é da Nora, o Luís Carapinha é da Nora, o André Fusco é da Nora, o Telmo Caciones é da Nora, e o João Castro e o Carlos Rato não são de Estremoz e representaram a Nora nas últimas duas temporadas de futsal. Depois do apito inicial do Sr árbitro, vi a primeira falta contra a nossa equipa ser arrancada mais que a ferros, na zona frontal à nossa baliza (o que para mim e para quase toda a gente não foi falta nenhuma), e observei uma permanente inclinação do campo, com cacetadas aos nossos jogadores que se ouviram para lá da Terrugem, com faltas descaradas sobre o nosso guarda-redes, e com um natural desalento por parte dos nossos atletas por já estarem todos calejados e saturados dos jogos anteriores.

Para ternirar: também não sou treinador, nem curso tenho (embora os cursos tenham o valor que têm nos dias que correm), e ando nesta brincadeira apenas por carolice e por gosto, mas além de não gostar de injustiças, tenho uma certa dificuldade em fazer figura de espantalho ou de fantoche, e foi essa a sensação que tive neste torneio, assim como tive no mesmo torneio há cinco anos atrás quando a Metalfusco foi canibalizada, aos olhos de todos, em proveito da equipa Clérigo&Filhos( tenho boa memória, Sr árbitro). No entanto sempre tive excelçentes relações com os árbitros desconhecidos, porque será? E os Srs árbitros e outros mais como os senhores árbitros podem ter a certeza que não me vão aturar mais no vosso exercício, porque estou farto destes futebóis e de outros afins...

Cumprimentos

Anónimo disse...

http://prixviagrageneriquefrance.net/ commander viagra
http://commanderviagragenerique.net/ achat viagra
http://viagracomprargenericoespana.net/ viagra generico
http://acquistareviagragenericoitalia.net/ viagra acquistare

Anónimo disse...

http://prixviagragenerique50mg.net/ commander viagra
http://prezzoviagraitalia.net/ acquisto viagra
http://precioviagraespana.net/ viagra